Arquivo

Archive for the ‘Tutoriais’ Category

Animar transparência usando GLSL no Blender 2.5X (game engine)

novembro 3, 2010 1 comentário

Muita gente, inclusive eu, já teve dificuldade em descobrir como animar uma transparência, utilizando GLSL  no Blender 2.5x. Depois de muito quebrar a cabeça e pesquisar na internet, eu descobri essa façanha :).

Leia mais…

Anúncios

Texturas Animadas na Game Engine

julho 19, 2008 11 comentários

A maneira mais fácil de se colocar texturas animadas dentro da game engine do blender, é através da opção “Tiles”. Esse recurso é muito útil para inserir algumas animações de explosão, partículas, efeitos ou outras interações simples.
Obs.: esse tutorial só irá funcionar com o botão “Use blender materials” no menu “Game” desabilitado

Primeiramente vamos precisar de uma imagem com os quadros da animação interpolados em seqüência como a imagem abaixo. É importante observar que a animação começa do primeiro quadro da última linha.

Leia mais…

Névoa – game engine

fevereiro 15, 2008 3 comentários

A névoa é muito usada nos jogos em que se precisa criar um certo suspense durante o seu desenvolvimento, mas, ela tem outras utilidades “ocultas”. Uma dessas utilidades é esconder a montagem do cenário, e com isso, diminuir o campo de visão da câmera(e, claro, do jogador 🙂 ), aumentando o desempenho do jogo.
Leia mais…

Categorias:Dicas, Tutoriais

Acessando objetos via python (hierarquia no game engine)

fevereiro 15, 2008 6 comentários

Requisitos: Conhecimento mínimo em programação python para Game Engine.

Uma dúvida que deixa de cabelos brancos a todos os iniciantes no python para o Game Engine, é como acessar objetos via programação. Neste artigo, vou ensinar o conceito básico sobre a hierarquia usada nos jogos do Blender.

Observe a figura abaixo:

Na verdade este diagrama está bem simplificado, pois existem outros itens que podemos incluir na hierarquia, mas vamos tomá-lo como um padrão.
Leia mais…

Normal Map – GLSL

fevereiro 2, 2008 7 comentários

Normal Map é uma técnica utilizada para simular o relevo numa superfície, calculando o ângulo das sombras numa textura dando uma sensação maior de profundidade. Esse recurso é muito usado em jogos de computador para gerar um efeito mais realista nos modelos.

No game engine do blender também é possível usar esse recurso através de biblioteca GLSL vertex shader(OpenGL), mas é importante salientar que, ao desenvolver um jogo utilizando normal map, o desenvolvedor estará restringindo seu software a um público alvo muito seleto, pois a biblioteca GLSL depente muito de suporte de hardware, e infelizmente ainda são poucos os que tem uma placa de video com um bom suporte OpenGL .

Alguns Exemplos de Normal Map:


Modelo sem normal map


Modelo com normal map
Leia mais…

Dividir a tela do jogo (View Port)

janeiro 22, 2008 7 comentários

Nível: Intermediário
Requer conhecimento em: Logic Brick e Text Editor.

Muitos jogos de computador e de console, com modo multiplayer’s (vários jogadores), utilizam o recurso de “view port” para mostrar todos os jogadores na tela. Esse recurso divide a tela em várias partes, sendo que cada parte mostra as imagens de uma determinada câmera.

No game engine, esse recurso pode ser facilmente configurado e usado, bastando para isso apenas algumas linhas de código em python.

Para configurar, primeiramente, você vai precisar de ter pelo menos duas câmeras no jogo(na verdade você pode configurar usando apenas uma, mas seria uma coisa meio sem lógica 🙂 ) .
Leia mais…

Como criar um “falso” toon shader

janeiro 8, 2008 5 comentários

No game engine do blender, podermos usar um recurso chamado de toon shader utilizando a linguagem GLSL shaders, que simula um aspecto de “desenho” ao jogo. Mas, infelizmente, para usar o GLSL, você vai precisar de uma placa de video que tenha o devido suporte.

Mas nem tudo está perdido 🙂 . Podemos simular um falso “toon shader” que vai funcionar em qualquer computador seguindo apenas a receitinha abaixo:
Leia mais…